domingo, 18 de outubro de 2009

35 - Um desabafo para a Lua.



Depois de tanto tempo, vivendo em plena escuridão, pude ver uma
luz no fim do túnel.


Pensava que felicidade era um luxo, que eu não poderia ter.
Que eu não seria digna
de ostentar.
Me enganei, pois hoje eu tenho felicidade plena.


Você me despertou de um mundo vazio, sem cor.
Um mundo duro e cruel, que não pensa duas vezes antes
de tentar te jogar na lama. Antes de mostrar que nada somos,
se não lutarmos pelo que tanto desejamos.


Eu não sabia o que desejava até ver a luz da lua.
Ela estava tão bela, tão grande e tão clara.
Eu sabia que ela olhava por mim, sabia que de algum modo ela
me tocava..
Mas eu não conseguia tocá-la.
Eu pensava que ela tinha decidido se manter distante,
por opção talvez.
E mais uma vez me enganei.


Dia após dia, a Lua lutava para conquistar seu objetivo.
Sentir o calor do sol, mais próximo.
Fazer juras de Amor para aquele que na distância, a Amava...


Uma vez a cada período, ela conseguia cumprir seu objetivo,
o que a incentivava a persistir cada vez mais,
pensando sempre no amanhã.
Era isso que ela tentava me ensinar
na distância, e era isso que na inocência eu ignorava.

Eu tinha tudo que precisava por perto, mas não percebi.
Não vi seu brilho, não senti seu calor.
Não vi sua luz própria, até o dia em que você se distanciou.


Agora como a lua, eu tenho um objetivo. Estar com você pelo menos
por algum mísero momento,para lembrar-me sempre do que é a
felicidade.


Espero que um dia, não veja o encontro do Sol e da Lua..


Espero poder ser a sua Lua algum dia, e fazer nosso momento
durar pela eternidade..


Com Amor...

Lágrimas da Lua.



Paula Camargo


Imagem: Google Images


8 comentários:

Giane disse...

Eu vejo o encontro do Sol com a Lua.
Nesse exato momento.
Não sinto nada.
A não ser a dor futura que isso poderá me causar se eu não me afastar.

Escavo minha toca na tora, na terra, escondo-me na caverna mais escura.

Chega de ventos, sóis, demais astros e outros elementos.
Como boa Coruja, quero escutar o doce som do silêncio, sentir o aconchego do abraço da solidão.
E abrir meus olhos para a escuridão...

CGS disse...

Também eu tenho uma ligação muito esecial com a Lua e gosto de me refugiar na sua luz tão subtil. E aqui te deixo mais uma ponta da estrela, que sem tu saberes, nus une...

Deni Maciel disse...

acho coisas lindas por ai mas nada tão lindo como a lua e sua luz quando bate aqui na terra.
q texto lindo.
bm explorado e até sentimental *-*
abraços
bom fDs.
e o jason quee
parece q tá morto mas que
ressurge e leva é o button..
pq o jason do morumbi tá mais pra
zé do caixao....

silvioafonso disse...

.


É na espiral, entre o sol e a lua, que eu fico
zonzo e perco o rumo. São nestas curvas
que eu te vejo tonta, de rota torta, sem setas,
sem metas.
Busco distante o luar de que tanto falas
para saber do teu limite, se ele existe.
Rola rala a brisa que te move e por ti se
torna remo fácil no manejo do teu barco.
Barco que remonta universo abaixo pelas
corredeiras tortuosas, pedregosas, entre
as estrelas, ópio em minhas veias.
Vento brando, brisa rala que espalha a
branca nuvem, alcalóide cristalino que
nasalo corpo adentro, alma afora.
Esperneies, esbravejes, mas não te gabes se
para aspirar o que te adormece, tiveste de
apertar os astros entre planetas e satélites.

silvioafonso.








.

Unseen Rajasthan disse...

Beautiful words and fantastic post @!!Unseen Rajasthan

Deni Maciel disse...

passando pra encher mesmo
e pra vc conhecer o pastormentado lá do blog *-*

bjo e quando atualizar grite...
sempre bom passar aqui .
abraços
ótim quinta
e feliz dia do MP-24 vem com TV.
radio am [exclusivo] e fm e ainda gravador de blue ray.
¬¬
abraços de novoooo
fui.
FDs a vistaaaaaaa...mas bm q poderia ser a prazo...passaria mais devagar!

Amanda disse...

Olá Amiga-Irmã...

Todos nós temos o sol e a lua dentro da gente, em alguns momentos é hora do sol, em outros da lua.

A luz no fim do túnel é o que todos nos desejamos e uma hora ela chega e você volta a sentir tudo..

Beijos mil!

Kampos e sua Vida de Leiturista disse...

Saudações! Pois é, eu e meu rebento, hehe!! Valeu pela visita no fotolog e visite tb meu blog CRIATURAS DA ESCURIDÃO. www.criaturasdaescuridao.blogspot.com

Abraços!!

Kampos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails